11.4.13

Fantastic Children

Fantastic Children
Nakamura Takashi - Nippon Animation
Anime - 26 Episódios
2004
6 em 10

Queria ter terminado este anime ontem, mas estive o dia todo na cama. A sofrer. Com febre. Enfim...

Trata-se de um trabalho muito interessante, que alia o mistério à ficção científica. A história fala da busca de um grupo de crianças que nunca crescem, que vêm existindo ao longo de centenas de anos. Eles procuram uma pessoa e a única pista que têm é um desenho de uma torre e uma lua. Em 2012, numas ilhas tropicais em local não identificado, dois miúdos fogem do orfanato e encontram um rapaz, Thoma, que sabe artes marciais. E enquanto isso, estranhas experiências com velhotes acontecem. A relação entre estes três elementos parece ser ténue, mas a verdade é que é muito forte e apenas no final se descobre o que se passa realmente.

Os personagens são muitos e estão todos interligados. Infelizmente, parecem estar todos muito presos aos seus "eus" do outro mundo e acabam por não sofrer desenvolvimento. Excepto, talvez, Dumas. A arte também não abona nada em favor do anime. Os designs são muito simples e angulares, o que trás um certo aspecto infantil a um anime que não tem nada de infantil. Os fundos parecem estar desfocados muitas vezes, apesar de serem detalhados, sobretudo no que respeita às ilhas cheias de estátuas. Ainda assim a acção passa-se muitas vezes na escuridão, à noite ou com chuva, o que apesar de trazer um ambiente de tristeza generalizada não é nada agradável à vista.

A outra componente interessante, além da história, é a música. Apesar de os temas serem repetitivos, são bonitos e eficientes e acrescentam à tristeza referida anteriormente. Poderiam ser mais emocionais se não fossem usados tantas vezes.

No geral, um bom anime. Manteve-me focada o tempo quase todo, um feito.

Edit: acabei de reparar, este foi o meu anime 900! Wee! Ainda bem que foi uma coisa boa. :)

Sem comentários:

Enviar um comentário