26.10.11

Kimi ni Todoke

Kimi ni Todoke
Kaburaki Hiro
Anime - 25 + 12 Episódios + 1 OVA
2009
7 em 10

Sawako é uma rapariga triste e solitária, que está na escola e não tem amigos. Todos têm uma imagem muito má dela e evitam-a. Sawako é aquilo que eu era. Numa história que aquece o coração, é-nos mostrada a evolução de Sawako (ou Sadako) à medida que ela vai fazendo amigos e popularizando-se. É essa a diferença básica entre mim e ela. E o facto de ela ter um rapaz giro que gosta dela...

Gostei muito deste anime, ambas as seasons, apesar de me ter deprimido um pouco. Identifico-me muito com a personagem principal, mas fez-me triste ver que ela conseguiu aquilo que eu teria conseguido se não fosse uma criança idiota. 

Em termos de história, temos algo de original, em que por uma vez é o rapaz que gosta da rapariga e a tenta conquistar e não o contrário. É uma história delicada, de progressão muito lenta, mas ainda assim agradável. É frustrante e irritante ver as coisas a acontecer pelo lado pior e não poder intervir. Os personagens estão muito bem concebidos, se bem que Sawako tem atitudes um pouco autistas e impossíveis. Espantou-me a sua capacidade de se culpar sempre a si própria, o que é uma característica muito pouco natural. As suas relações são realistas e bem cuidadas, se bem que a sua falta de perspicácia não é de todo normal. Ainda assim há uma perfeita caracterização da rapariga adolescente e das suas relações com o universo que a rodeia, de várias perspectivas (pois temos várias raparigas, cada uma com as suas características, dilemas e problemas. E soluções!)

A arte é bonita, com um design apropriado. Todas as personagens são "normais". Ninguém, excepto Kurumi, é extraordinariamente bonito ou especial. Isso torna-as, de certa forma, únicas. As cores são belas, mas há pouco detalhe nos desenhos. Num todo, tudo tem um aspecto mais antigo e mais frágil, o que torna tudo uma belíssima experiência visual.

A música é deliciosa, cheguei a encontrar as partituras para a poder tocar no piano. Tanto as OPs como as EDs são apropriadas e boas peças individuais.

Foi uma experiência agridoce. Pensei muitas vezes neste anime enquanto o estava a ver, a questionar-me "será no próximo episódio que há o beijo?" Mas o final acabou por ser desapontante, embora bastante lógico. Uma boa obra e um bom exemplo do género, bastante recomendável.

1 comentário:

  1. Através de uma postagem no facebook sobre uma critica ao novo livro de Murakami - a qual me agradou, já que ando um pouco indecisa sobre lê-lo ou não -, descobri esta crítica, a qual também gostei. Vi este anime e o filme e adorei ! Mas não fazia ideia de que havia uma 2ª temporada.
    Bem, parabéns pelo Blog (:

    ResponderEliminar