11.10.16

A Identidade

A Identidade
Milan Kundera
1997
Romance

O último livro que roubei no Picnic BookCrossing :)

Mais uma vez, Milan Kundera excede os conceitos, com um romance afastado da realidade vulgar e envolto numa área de sonho. Um casal ama-se em tal profundidade que começam a deixar de distinguir a identidade um do outro. Quando a mulher começa a receber misteriosas cartas, a sua relação fragiliza-se a ponto de rotura. Mas quem será o autor destas cartas? É nestas alterações de identidade que o livro se foca, sendo que os personagens deixam exactamente de saber quem são eles próprios e qual a sua conexão com a realidade de casal.

Escrito de forma muito simples, com capítulos extremamente curtos, o livro torna-se bastante fácil de ler e foi uma rapidez terminá-lo. Infelizmente, pareceu-me que a caracterização inicial dos personagens os torna um pouco detestáveis, sendo que o culminar ou reatar da sua relação acaba por nos parecer irrelevante devido à falta de identificação que a que o autor nos remete. Isto é, a ideia é excelente, mas os executantes desta (os personagens) não nos tocam de forma alguma.

Assim, foi um livro que li e que certamente relembrarei, mas que fica aquém de outras obras do autor.

Sem comentários:

Enviar um comentário