13.10.16

Em Busca do Tempo Perdido 6 - A Fugitiva

Em Busca do Tempo Perdido 6 - A Fugitiva
Marcel Proust
1927
Romance
 
Continuemos a ganhar tempo com a busca pelo tempo perdido! =D 

O que acontece em "A Fugitiva"? Vou já mandar o spoiler. A Albertina morre. E o narrador processa as 200 páginas seguintes a pensar nela e a tentar viver com isso. Acaba por confirmar que as suas suspeitas sobre o mundo de Gomorra não eram infundadas, mas também nunca nos dá a certeza: ele próprio não pode ter a certeza, pois tudo neste universo é absolutamente manipulado para o prazer das pessoas certas.

Isso continua a provar-se através das atitudes dos Srs. Guermantes e do reaparecimento de Gilberta, que passa a tornar-se o foco central da atenção do narrador. Mais uma vez debatemos assuntos como o anti-semitismo, mas o ambiente é tão deslocado da realidade que as conclusões não são de todo lineares e nunca ficamos a saber o que "é de bem" para estas pessoas.

Proust escreve de forma maravilhosa, apesar de tudo. Os acontecimentos não são de todo importantes: prova-se com este livro que o prazer da leitura desta obra não está no conteúdo, mas sim na forma. É fabuloso como um autor tem a capacidade de nos levar por um mundo de palavras que, por si só, não possuem qualquer significado, mas que todas juntos nos trazem imagens de uma beleza quase fatídica.

Estou ansiosa pelo último volume, para ver como termina a grande saga!

Sem comentários:

Enviar um comentário