17.11.14

xxxHOLiC

xxxHOLiC
Mizushima Tsutomu - Production I.G.
Anime - 24 Episódios + 13 Episódios + 1 Filme + 2 OVA + 2 OVA
2006
5 em 10

Lembro-me quando há muito muito tempo, quando começou a aparecer manga em Francês por aí à venda, este me fascinava completamente, pelo título. "xxx deve ser uma coisa pornográfica, um hentai ou algo que o valha". Mas não. Eu ainda não sabia que as CLAMP existiam e que a missão delas é dar nomes aleatórios às coisas. Enfim, de uma forma ou de outra tinha sempre deixado este anime para trás. Finalmente vi-o. A minha expectativa era elevadíssima e foi frustrada.

De natureza semi-episódica, este anime trata de um tema que tantos outros já trataram, antes e depois dele: aventuras com o sobrenatural do folclore Japonês. Watanuki é um jovenzito, sem ligações terrenas fora uma paixoneta na escola, que tem um desejo: deixar de ter de aturar as criaturas estranhas que vê por todo o lado, fantasmas, espíritos, youkai, e outros bicharocos do género. Quando é puxado para dentro de uma casa misteriosa, a sua dona - Yuuko - diz-lhe que se trabalhar para ela (a cozinhar e isso) poderá concretizar esse desejo. E assim começam as aventuras diária de Watanuki e os seus parceiros no mundo da bicharada mística. Cada história por si só não é nada que não se tenha já visto. Em termos de originalidade, não há muito.

Agora, este anime poderia ganhar todas as taças se, com este tema, tivesse um estilo de arte e animação a condizer. E, aqui, é caso para dizer: o manga deve ser muito melhor. O design dos personagens é muitas vezes apelidado de "noodle". E é verdade. Compridos e moles como um tagliatelle aldente. Isto em manga, em que está tudo parado, deve funcionar lindamente. Em anime, é de bradar aos céus, com as dores decorrentes dos olhos partidos em pedaços manejáveis. Há um esforço por tornar as coisas interessantes, com efeitos visuais e padrões, mas é tudo tão pouco detalhado que simplesmente não capta o interesse. Em termos de roupas, objecto de adoração característico das autoras, só Yuuko parece variar nos modelitos. E ainda assim são tão pouco mostrados, têm tão pouco pormenor, que passam ao lado e não têm o efeito pretendido. No filme e nos OVAs a animação está bem melhor, mas isso não pode salvar a classificação geral.

Musicalmente, se no parênquima temos pouco ou nada, nas OPs e EDs temos valiosas músicas, muito estilosas, com um certo beat irónico que nos prepara para a aventura de mistério que vem aí. Saquei-as quase todas, pois fiquei very in love com o seu estilo.

Fiquei curiosa em ler o manga, mas o anime não é para repetir.

3 comentários:

  1. xxxHolic tem uma coisa engraçada, que são as inúmeras referências a outras obras das CLAMP que não estão lá por acaso. O manga chega mesmo a cruzar a sua história principal com a do Tsubasa Chronicles, o que é muito interessante (a certa altura é quase obrigatório ler os 2 mangas em simultâneo). Infelizmente no anime cortaram isso tudo :c

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Num dos OVAs fazem isso, cruzam a ideia com Tsubasa. :) Mas eu como ainda não vi Tsubasa, irei fazê-lo um dia, não percebi bem a referência. Gostei foi de ouvir a voz da Sakura, hahaha :p

      Eliminar
    2. Sim nesse OVA é verdade! :D E é tão importante! xD
      Eu gosto destes dois mangas, é uma história sobre muitos mundos e acho fixe
      (Aviso já que considero que o anime do Tsubasa se torna uma bosta a meio xD Decidiram abandonar a história original do manga com os seus awesome plot twist porque fica muito "dark", mas compensam com os OVAs)
      Mas são histórias que definitivamente recomendo :)

      Eliminar