1.9.16

O Segredo de Cibele

O Segredo de Cibele
Juliet Marillier
2007
Romance Fantástico

Esta foi a minha leitura de praia. Prova de que o Kobo resiste à areia. :)

Com a leitura deste livro, apercebi-me que era uma sequela. Felizmente, já havia lido o primeiro volume da série (parece-me que são três ao todo), chamado "A Filha da Floresta". Tinha adorado na altura e foi por isso que escolhi ler este livro: porque era da mesma autora. Não estava nada à espera que fosse uma sequência ao outro que havia lido há tantos anos. Nesse primeiro volume, para termos um pouco de  contexto, um grupo de cinco irmãs na Transilvânia entrava num mundo mágico, sendo que uma delas ficava por lá a viver. "O Segredo de Cibele" acompanha as aventuras de uma das irmãs mais novas na Turquia, em que ela tenta desvendar os segredos de uma estátua de uma deusa antiga, cujo culto tem vindo a renascer secretamente.

O universo fantástico apenas se revela no último terço do livro, sendo que até lá decorrem aventuras insignificantes na cidade de Istambul. No fundo, esta primeira secção parece servir apenas para apresentar os dois homens que irão lutar pelo coração da nossa heroína, numa estrutura em tudo igual a qualquer livro de fantasia para adolescentes. Para além disso, há uma caracterização bastante redutora do ambiente da cidade e da cultura muçulmana em geral.

Após revelações em que nem tudo é o que parece (e o contrário), a heroína e os dois apaixonados entram realmente no universo da magia, o "Outro Lado". Lá, resolvem uma série de problemas, mas acabamos por não perceber exactamente qual o papel dos personagens (nomeadamente o da irmã desaparecida no livro anterior) no meio disto tudo. Apesar de tudo, as descrições são encantadoras.

O final foi bastante chocho e absolutamente previsível. No final, é claro que ela vai escolher um deles, não é?

Foi um livro divertido que me cativou, mas sem dúvida que me esquecerei brevemente dele. Não me marcou como o primeiro volume.

Sem comentários:

Enviar um comentário