6.9.16

O Homem Duplicado

O Homem Duplicado
José Saramago
2002
Romance

Depois, para variar, um pouco de Saramago, o que é sempre bom :)

Este é um dos seus livros fantasistas, surrealistas digamos assim, passados na vida real e no agora. Um homem, professor de história do secundário, sente-se um pouco deprimido. O seu colega de matemática recomenda-lhe um filme. Qual o seu espanto quando um dos actores figurantes é igual a ele!

A partir daí, faz tudo para o descobrir, sendo que o seu encontro terá consequências estranhamente fatais O livro é muito engraçado, na medida em que as coisas estão descritas com toda a naturalidade, como se semelhante situação fosse de facto possível. Saramago, como sempre, escolhe as palavras a dedo e todo o conjunto funciona com uma calma impressionante, um contar de uma história tão real como estranha

No entanto, talvez não seja uma das obras primas do autor, porque por vezes se perde um pouco nos detalhes e nas próprias palavras: isto é, Saramago tanto se divertia a escrever que se esquecia de que mais alguém o ia ler.

O final é absolutamente hilariante, mas também muito assustador.

Não fiquei curiosa em ver o recente filme que foi baseado neste livro.

Sem comentários:

Enviar um comentário