8.2.16

Tsubasa Chronicle

Tsubasa Chronicle
Mashimo Koichi - Bee Train
Anime - 26 + 26 Episódios + 3 + 2 OVA + 1 Filme
2005
5 em 10

Pelo que conheço do mundo cosplaico, esta é uma série famosíssima, da qual toda a gente deseja fazer fatos sem fim. Mas pelos vistos o que é fixe e mágico é o manga, porque o anime ficou muito aquém das expectativas.

Desta feita, o grupo CLAMP decide teorizar de que existem mundos paralelos e que as suas personagens vivem em todos eles. Sakura e Syaoran são amigos no mundo Clow, onde ela é princesa. No entanto, por razões pouco claras, as memórias de Sakura são transformadas em penas triangulares e espalhadas por todo o tipo de universo paralelo. Assim, pedem à Dimensio Witch (xxxHolic) que os deixe viajar entre os mundos para recuperarem as penas.

Este anime pareceu-me, logo desde o início, muito mal estruturado em termos de narrativa. Em minha opinião, deveria ter sido um anime episódico, em vez de cada mundo estar dividido em arcos por vários episódios. Desta forma, teríamos visto mais variedade de situações e o material teria ficado melhor distribuído. De qualquer maneira, os arcos de história não têm muita qualidade: as pequenas aventuras vividas são muito inconsequentes e os personagens não dão vivacidade às situações.

Estes, são incompletos e indefinidos. Não existe sequer uma caracterização básica como ponte sólida para as suas reacções e, no fundo, apenas Syaoran faz alguma coisa em cada um dos arcos. Sakura é uma infeliz que não consegue fazer nada (também, não tem memórias), Fai é todo risinhos e Kurogane a força bruta. Estes, juntamente com Mokona, servem de alívio cómico numa série que por si só é muito leve. Só nos OVAs finais algum desenvolvimento é dado aos personagens e, consequentemente, a narrativa fica muito mais interessante. No entanto, tinham-lhes dito logo ao início "a consequência de viajares pelos mundos é que a vossa relação vai mudar".... E isso não acontece? Parecem sempre cada vez mais apaixonados, mesmo com a revelação final (que não muda nada).

A arte não é incapaz para a época, sendo que conseguimos notar uma evolução constante entre as seasons e entre os OVAs. Os designs são estranhos, como as CLAMP costumam fazer, e poderiam ter insistido mais na sua delicadeza para que os personagens fossem transmitidos idealmente. Não existem grandes cenas de animação, excepto mesmo no final em que a luta está muito bem feita. De resto, as outras lutas não estão bem coreografadas na medida em que os personagens saltam e correm em movimentos perfeitamente inúteis para o contexto em que estão.

Finalmente, a música. Para muitos, o ponto forte deste anime. Temos de admitir, realmente, que as peças corais são muito interessantes e emocionantes. No entanto, há uma repetição constante de dois ou três temas vocais e de algumas outras peças, que acabam por aborrecer: "outra vez esta música?"

Talvez o manga seja muito melhor, mas não ganhei curiosidade para o ler. Fica definido, que não será nesta vida o meu cosplay de Sakura Hime.

Sem comentários:

Enviar um comentário