29.3.17

O Silêncio dos Inocentes

O Silêncio dos Inocentes
Thomas Harris
1988
Romance

Confesso que sempre tive um medo imenso de ver este filme. Portanto, li o livro! E o livro não me assustou nada, portanto já tenho mais coragem para ver essa obra prima do cinema. :)

Clarice é uma investigadora novata, ainda na academia de polícia, a quem pedem que entreviste o famosos psicopata Hannibal Lecter. A partir daí, envolve-se na resolução do caso de um outro serial-killer, um anónimo apenas conhecido por Buffalo Bill, contando com a estranha ajuda de Lecter, que partilha conselhos em troca de coisas interessantes em que pensar.

Este livro é um policial bem estruturado, revelando um certo cuidado na caracterização dos personagens e dos seus problemas mentais e emocionais. Existem muitos detalhes sobre investigações policiais mas, sobretudo, sobre a caracterização das doenças do comportamento que os criminosos possuem. Certamente que houve uma investigação bem cuidada no planeamento deste livro, o que se nota bastante nos detalhes das descrições e, sobretudo, na forma como Clarice tira conclusões, apesar de sempre ajudada por Hannibal Lecter. A dinâmica entre os dois é bastante forte e pode ser lida em diversas camadas, cada uma igualmente profunda.

Apenas achei que a conclusão foi um pouco precipitada e muito casual. Por mero golpe de sorte Clarice resolve os dilemas e, de certo modo, isso retira muito do realismo que tinha vindo a ser construído ao longo do livro.

Não fiquei inspirada a ver o resto da série, mas agora gostaria de ver o filme e comparar. ;)

Sem comentários:

Enviar um comentário