21.1.16

Sora no Otoshimono

Sora no Otoshimono
Saitou Hisashi - AIC
Anime - 13 + 12 Episódios + 1 OVA + 2 Filmes
2009
4 em 10

O anime mais patético que vi nos últimos tempos. Trata de um jovem que sofre de um atraso mental no pénis que encontra uma mamalhuda com asas que afirma ser sua escrava (consequentemente, ele é o seu mestre). Depois aparecem outras pessoas aladas, com mais ou menos ósculos mamários, e há muitas situações inusitadas muito, muito, muito, extremamente!, engraçadas.

Ou então não.

Temos alguns episódios com uma estrutura narrativa, sendo que a história de base é muito simples. As pessoas aladas vêm de um mundo paralelo, a sinapse, onde são escravizadas por um totalitarista maléfico. Este envia-as à terra para se destruírem umas às outras mas acabam todas por se tornar amigas do nosso taradão principal. No último episódio de cada season há uma épica e totalmente inconsequente luta. E é isso.

Os personagens também não têm ponta por onde se lhe pegue. Por trás de uma caracterização superficial, estão escondidos múltiplos estereótipos. Os personagens também não têm reacções adequadas uns aos outros. Por exemplo, porque é que ninguém estranha minimamente que estas pessoas tenham asas? Porque é que nunca há conflito para além de "apalpaste-me a perereca"? Porque é que depois do taradão fazer trinta por uma linha continuam todos a gostar dele? Isto não são reacções normais nem humanas.

A arte é deprimente: sempre recorrendo a chibis e outros que tais, esforça-se por brilhar nas três ou quatro cenas de luta. Mas falha redondamente, pois o valor de produção foi poupado ao máximo e as ditas não estão suficientemente bem coreografadas para fazer um brilharete.

Musicalmente, há muita variedade de EDs, mas todas limitadas a uma espécie de pop cómico que não faz qualquer tipo de sentido.

Portanto, se há série que causa ódio, esta é uma delas. Nunca lhe toquem, nem com um pau comprido e bicudo.

Sem comentários:

Enviar um comentário