17.3.15

The Imitation Game

The Imitation Game
Morten Tyldum
Filme
2014
6 em 10

Finalmente de volta aos programas nocturnos com Qui, começamos por ver este filme que ele tinha no computador por mero acaso (assim não tivemos de esperar que um outro acabasse de sacar)

Baseia-se na história do Senhor Turing, um génio da matemática. Durante a segunda guerra mundial, os alemães ganhavam pois enviavam as suas mensagens em código através da máquina "Enigma". Tentando resolver esta problemática, Turing cria uma máquina um pouco diferente que veio a ser o antecessor dos computadores que todos usamos hoje em dia (e através dos quais escrevo esta mensagem)

O filme é bastante simples, relatando de forma directa a vida e obra desta pessoa. Toca um pouco na temática da homossexualidade, embora este assunto pudesse ter sido um pouco mais explorado, um pouco para além da "minha paixão de infância". É evidente que o filme teve um baixo valor de produção, devido aos efeitos especiais arcaicos, que poderiam ter sido completamente eliminados, e até à própria caracterização da época histórica em que a narrativa se passa.

Sem dúvida que a melhor parte está no trabalho de actor. Não conhecia eu este actor, Benedict Cumberbatch, e fiquei muito impressionada com o seu trabalho. É uma caracterização do génio enquanto pessoa inadequada quase perfeita. Dizem-me que ele faz sempre papéis assim, mas gostaria de o ver interpretando outras personagens diferentes, pois acho que está aqui um grande potencial.

Apesar de tudo, foi um filme que me entreteu bastante.

Sem comentários:

Enviar um comentário