18.6.12

Noir

Noir
Arie Yuuki - Bee Train
Anime - 26 Episódios
2001
6 em 10

Não gosto, não gosto, NÃO GOSTO!, da arte do início dos 00s. Gente sem queixo, que irritação.

Mas adiante! Noir é uma série mais ou menos antiga, aparentemente apareceu na Sic Radical circa 2005 por isso muita gente a conhece. Eu não posso dizer que tenha gostado muito. Deixei de lhe dar atenção por alguns momentos e perdi-me completamente.

A arte, como venho dizendo, no me gusta. No me gusta mesmo nada. Mas enfim, há-que aceitar que nesta época era a última moda fazer gente com caras curtas, redondas e sem queixo quando vistas de baixo. Há um esforço para fazer cenas de acção complexas e os personagens mexem-se com leveza, mas ainda assim parece tudo muito pouco natural e os movimentos são muito matemáticos. Não há grande beleza no anime, que se mantém com um ambiente mais ou menos negro ao longo de todos os 26 episódios.

A história, bem... Perdi-me. No início era episódico e deixei de lhe ligar, mas de repente já estavam a acontecer montes de coisas e montes de explicações que eu não estava a perceber. Tive que pedir que me explicassem e, depois dessa pequena aula, chego à conclusão de que a história tem o seu quê de original mas não se distingue grandemente de outras no mesmo tema (a máfia e os assassinos a soldo). É muito pouco realista e existe um erro essencial: porque é que Mireille se junta a Kirika? Para saber quem matou os pais dela? Mas ela já sabia! Para saber porque é que mataram os pais dela? Para quê saber? Ela inicalmente não parece desejar vingança e esse desejo só aparece mais tarde, ali completamente desalinhado.

Em termos de desenvolvimento de personagens, temos uma coisa muito básica. Não nos conhecemos, ficamos amigas ao longo do tempo e da nossa convivência, que consiste em matar pessoas, depois descobre-se que afinal temos de nos matar uma à outra, mas afinal somos amigas à mesma e temos o mesmo objectivo que é libertarmo-nos de todo o mal. Explica-se numa frase e isso nunca é coisa boa.

A música... Começa bem. Eu gosto muito de Ali Project e gosto muito da música da OP, que combina bastante com o teor meio negro meio clássico do anime e serve muito bem como introdução. Agora tudo o resto... A minha primeira impressão foi que havia músicas a mais. Há medida que o anime foi progredindo, começou-me a parecer que eram sempre as mesmas músicas. Que nem são nada de especial. Sobretudo a música do relógio, é muito pouco original para música de relógio (no anime todos os relógios de bolso dão música. Resta saber se dão horas)

Um anime mediano, que não envelheceu bem. Neste momento da parada não vejo razões para o recomendar, mas um fã de acção e de moças com armas talvez goste bastante.

Como nota à parte: Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille JÁ ME VISTE? Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille Mireille

2 comentários:

  1. "no anime todos os relógios de bolso dão música. Resta saber se dão horas" kkkkkkk

    Vi esse anime e gostei bastante, menos dos 3 últimos episódios.

    ResponderEliminar
  2. não ha muita beleza no anime? o anime é cheio de paisagens famosas da frança e outros paises da europa, que infelicidade vc dizer isso, se vc assistiu em baixa qualidade pode-se perdoar..

    sobre a trilha sonora, ela é uma das melhores de todos os animes, principalmente "Canta per me" e "Salva nós", mas gosto é gosto ne, a musica do relogio quem viu realmente o anime sabe o significado dela, acho que vc não viu e ta digitando apenas o que pensa.

    Não, a Mireille NÃO sabia quem matou os pais dela, essa é a prova final que vc não viu o anime, não entendo por que fez uma critica a um anime que nem se quer viu direito, recomendo vc assistir one piece ou naruto, talves esses animes infantis e sem valor algum possa lhe agradar mais.

    ResponderEliminar