28.6.12

Quem Matou Palomino Molero?

Quem Matou Palomino Molero?
Mario Vargas Llosa
Romance
1986

Da mesma família de "Quem matou o António?" e "Quem matou Fernando Pessoa?", "Quem matou Palomino Molero?" é uma história da resolução de um assassinato. À primeira vista simples, a história desenrola-se com cada vez mais surpresas, demonstrando que o que parece à primeira vista pode não ser verdade. Nem o que parece à segunda vista, ou à terceira. O final, totalmente inesperado, é uma prova da genialidade do autor e, graças a ele, continua o mistério de quem terá matado Palomino Molero.

Rico em descrições frutosas, caracteriza perfeitamente a vida na pequena vila em que a história se passa, e também a própria situação social do país na época referida, com toda a pobreza mas também toda a música. Os personagens, sobretudo o agente Lituma, procedem a uma auto-análise muito coerente da sua existência e dos seus actos passados, apoiando-se nessas conclusões para evoluirem e, logo depois, para cairem em desgraça.

Llosa mostra mais uma vez que é um merecedor indiscutível do Prémio Nobel. Um livro muito curto, muito simples, com muito pouco do discurso enlouquecido que caracteriza em parte este autor. Fácil de ler. Uma perfeita iniciação para quem quer conhecer um pouco mais do autor e ainda não teve a oportunidade.

Sem comentários:

Enviar um comentário