3.1.15

Galaxy Express 999

Galaxy Express 999
Rintaro - Toei Animation
Anime - Filme
1979
 7 em 10

Para a nossa celebração de ano novo, dirigi-me na companhia do Qui para o chamado "isolamento total". Inclui uma lareira, o isolamento total, mas não inclui internet. Os comentários que se seguem serão aos objectos vistos durante esse período de tempo, uma espécie de limbo entre 2014 e 2015. Este foi o primeiro filme visionado neste período, ainda no ano passado.

Inserido no infinito universo de Matsumoto Leiji, Galaxy Express 999 conta a mesma história de uma perspectiva um pouco diferente. Um rapazinho, depois de ver a sua mãe assassinada às mãos do terrível Count Mecha, procura entrar no Galaxy Express, um comboio que dá a volta ao espaço. Isto com o objectivo de ir até à galáxia de Andrómeda, onde obterá um corpo robótico que lhe permitirá encetar a sua vingança pela morte da mãe. Para entrar no comboio, forma amizade com uma estranha mulher, Maetel.

O filme é altamente contemplativo, debatendo assuntos como o valor da vida humana em contraponto com a evolução de tecnologia. Ainda seremos humanos depois de termos sido transformados? E será que merecebmos voltar aos nossos corpos? Numa viagem por vários planetas em que vemos todo o tipo de atrocidades e encontramos uma variedade de pessoas, chegamos a algumas conclusões.

Para esta viagem, temos de ter como acompanhantes uma série de personagens com as quais crescemos verdadeiramente. É conveniente, antes de ver este filme, ver a série do Captain Harlock, pois este a Queen Esmeraldas são personagens importantes. Mas os personagens mais interessantes são sem dúvida os principais. Maetel, sobretudo, impressionou-me pelo conceito que está por trás da sua criação que é muito emocionante. éuma personagem maravilhosa, com a qual me identifico muito, pelo que a vou acrescentar ao meu Cosplay Portfolio.

Em termos de arte, não podemos dizer que tenha sido um filme a sofrer muito com o tempo. Porque a realidade é que a arte aquarelável da época, com toda uma qualidade e detalhe nos fundos e uma série de cenas de acção de elevado orçamento, é o tipo de coisa que calha sempre bem. Existem alguns momentois de repetição de frames, mas que são tão poucos que escaparão a um olhar menos clínico e não impedem a apreciação do filme.

A banda sonora é um ponto a salientar, pois é muito variada, quer em peças instrumentais quer em baladas agradáveis que nos trazem realmente esperança neste comboio do espaço.

No geral, um filme muito bem concebido que me deixou muito curiosa para ver a série. Todos os conceitos são altamente originais, ainda hoje, e a força das personagens torna toda a viagem muito desejável: se pudesse não viver para sempre,l certamente que iria viajar neste comboio...

Sem comentários:

Enviar um comentário