24.9.13

o nosso reino

o nosso reino
Valter Hugo Mãe
2011
Romance

Este foi um dos livros que sobrou da Convenção do BookCrossing e um que eu queria mesmo ler. Porque depois da experiência deste autor com a Revista Granta 1, fiquei muito curiosa com ele.

É um livro curioso e muito interessante. Muito bem escrito, num estilo original e denso. Facto é que Valter Hugo Mãe recusa-se a utilizar maiúsculas. Isto é, de certa forma, uma valorização da palavra, um pouco marxista digo eu, mas que torna a leitura numa experiência diferente. Porque parece que o texto nunca tem pausas (nós não vemos os pontos finais, vemos é as maiúsculas) e isso traz um sentimento quase desesperante que associamos ao personagem.

E que personagem é este? Um miúdo de 8 anos que quer ser santo. Então, ele vê em tudo algum desígnio divino. E à medida que desgraças vão acontecendo na sua pequena aldeia ao pé do mar, ele entra numa série de explicações surreais e estranhas, quase assustadoras. Gostei sobretudo do êxtase final, o sonho em que todos morrem.

Um livrinho excelente, um prazer de ler.

Sem comentários:

Enviar um comentário