3.12.12

Casshern Sins

Casshern Sins
Yamauchi Shigeyasu - Madhouse Studios
Anime - 24 Episódios
2008
6 em 10

Este é um anime sobre robôs. Sobre a vida deles, se é que têm vida. Apresenta-nos uma visão do mundo interessantíssima, um mundo distópico, destruído pelo que eles chama de "Ruína". Paisagens devastadas que vão sendo substituídas por pequenos momentos de natureza, que ilustram a história de Casshern, um robô que - aparentemente - foi a causa da destruição. Infelizmente é este o elemento mais interessante de todo o anime.

Começando com uma estratégia de "monstro do dia", a narrativa é firme e lógica, desenrolando-se sem grandes mistérios ou expectativas, com muita calma. Existe uma falha grande na caracterização dos personagens que, sendo robôs, têm características demasiado humanas. Eles choram, eles sangram, eles "têm o coração aos pulos". Eles até envelhecem! Isto, para mim, não tem qualquer tipo de lógica. Se queriam falar sobre sentimentos, deviam ter utilizado seres humanos. Porque nem mesmo em universos infinitamente mais complexos que este um robô consegue fazer mais do que aquilo para que está programado. Por isso a menos que todos os robôs deste mundo estejam programados para sentir, nada disto faz sentido.

A arte é infeliz. Para uma produção dos 00s, parece demasiado antiga, com designs muito básicos e cores deslavadas. Repare-se que há uma contradição grande: os robôs "bons", os mais "humanos", têm designs humanóides, são totalmente pessoas. Os "maus" são apenas máquinas. As cenas de luta são quase resenhas e são inconsistentes.

Um elemento muito importante deste anime é a música. Com várias EDs e uma OP muito interessante, ela adiciona em muito ao ambiente desgraçado que se vive aqui. As músicas são todas bastante bonitas e, num todo, temos uma OST muito bem construída.

Infelizmente o próprio conceito do anime é falho. Assim, é impossível obter daqui algo superior ao mediano.

Sem comentários:

Enviar um comentário