4.3.14

K-On!!

K-On!!
Yamada Naoko - Kyoto Animation
Anime - 26 Episódios
2010
6 em 10
 
Olá! Há quanto tempo! Há séculos! Há milénios! Bem, nem tanto assim... Há cerca de dois meses que não falava aqui de anime. Estou numa desorganização perfeita e está a ser muito difícil acompanhar as séries semanais e ver coisas novas. Mas agora foi colocar-me num regime de cerca de "um anime por semana" e talvez volte a um ritmo mais normal para mim. Nada como antigamente. Trabalhar, dormir, viver... Tudo me ocupa muito o tempo. Mas vamos lá falar sobre uma coisa diferente!
 
Como se recordarão, eu não gostei mesmo nada da primeira série deste anime. Assim, foi sem grande motivação que comecei a ver esta instância, para o meu clube elitista. A verdade é que, feitas as contas, me surpreendeu bastante pela positiva.

O anime é um fatia-de-vida no seu estado mais puro: segue a vida diária de um grupo de raparigas fofas, não muito espertas, adolescentes sem muito interesse para a grande escala das coisas. No entanto, é a sua "normalidade" que dá um toque de diversão a tudo. É um anime calmo, em que não se passam muitas coisas, mas desta vez temos alguns momentos emotivos, que - devido às minhas experiências na fase da vida dos personagens - me tocaram muito.

Se as personagens não têm nada de especial sobre elas, as suas relações têm consigo uma carga muito verdadeira, sobre as dúvidas e medos que existem nesta fase da adolescência. O que fazer quando terminar a escola, o que fazer aos meus amigos... No final, são interacções engraçadas e amorosas, quase relaxantes. Por isso, soube-me muito bem ver este anime, já que relaxamento é uma coisa que está em falta em mim.

Outro aspecto que me fez gostar muito mais desta season, foi a música. Desta vez temos muito mais música, dividida entre concertos e espectáculos. Toda ela variada e toda ela interessante, um pop simples e cativante. Vou sacar a banda sonora, é verdade.

No geral, uma experiência bastante positiva e que recomendo a quem quiser umas horinhas divertidas.

Sem comentários:

Enviar um comentário