2.8.17

Pelo Bem Comum

Pelo Bem Comum
Arundhati Roy
2001
Ensaio

Este é um livro de não-ficção da famosíssima autora do "Deus das Pequenas Coisas". Livro que, por sinal, não gostei. De todos os modos, não me impedi de experimentar este livrinho, que se lê num par de horas.

Nesta obra a autora esforça-se por denunciar a injustiça decorrente à construção de uma série de barragens de grandes dimensões por todo o território indiano, mostrando-nos a corrupção que está por dentro dos relatórios do estado relativamente às condições em que estas são construídas e às consequências para os povos que vivem nas suas imediações.

Infelizmente, a autora não se mantém de todo neutra na sua exposição. O seu tom é de revoltya e o discurso é de ódio. Considerando que este livro é uma enumeração de factos e números, tal qual uma reportagem, este tom soa muito mal e parece mostrar apenas um lado da questão.

Para além disso, para quem afirma ter feito tanta pesquisa no terreno, o livro não nos dá as vozes das pessoas afectadas.

Não gostei, definitivamente.

Sem comentários:

Enviar um comentário